sexta-feira, 7 de junho de 2019

Teixeira de Freitas: PM envolvido em morte de comerciante pega 16 anos de prisão


Teixeira: PM envolvido em morte de comerciante pega 16 anos de prisão
Foto: Reprodução / TV Santa Cruz

Um júri popular em Teixeira de Freitas, no extremo sul baiano, condenou um policial militar a 16 anos e  6 meses de prisão. O PM Wenderson Ferreira da Silva foi sentenciado pela morte do comerciante Gilberto Arueira , em 2010, ao confundi-lo com um assaltante. Outros dois policiais, Aurélio Sampaio Costa e Santo Andrade Moreira, foram absolvidos.


A sentença foi proferida pela juíza Adriana Tavares Lira, titular da Vara do Júri e Execuções Penais da Comarca de Teixeira de Freitas. Segundo a TV Santa Cruz, conforme relato exposto na decisão, a vítima estava em uma loja de celulares com a mulher e a filha, quando foi surpreendido pelos PMs e baleado. O advogado da família do comerciante, Gean Prates, disse que foi uma surpresa a absolvição dos outros PMs e declarou que vai recorrer da decisão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados são de inteira responsabilidade do internauta.